Bem vindos!

Variedades de Floripa ! notícias, política, depoimentos, críticas, curiosidades, vídeos e receitas !
Participe !

Todos os posts estão divididos por área, então se você tem interesse de ver somente um tipo de post, utilize a barra de categorias no topo da página, ou na seção de tags ao lado.
___________________________________________


segunda-feira, 8 de abril de 2013

O fascínio da Lua...


Nada é mais lindo do que uma noite de Lua Cheia... É pura magia, é irresistível... nos convida a sonhar, andar de mãos dadas na beira da praia, no campo ou na praça, com alguém que a gente ama...


Conhecida como a Lua dos apaixonados, a Lua Cheia é um espetáculo que todos adoram e não se cansam de apreciar. Linda, fascinante e misteriosamente envolvente. Quando é possível estar a beira mar, na areia, seu encanto é ainda maior. Não é preciso ser supersticioso pra render-se aos encantos de uma bela Lua Cheia.

Dizem que a Lua Cheia simboliza a plenitude, quando tudo aquilo em que apostamos atinge o seu nível máximo de potencialidade. Dizem também que o nosso inconsciente aflora com muito mais facilidade, que ficamos mais receptíveis, mais sensíveis às vibrações que nos envolvem. Dizem também que essa fase da Lua nos concede um certo poder, desde que o invoquemos e o saibamos reconhecer.

Desde a antiguidade que muitas coisas têm sido difundidas sobre a Lua. Muitas delas são mitos, outras porém, tenham tenham alguma coisa de verdade. Vamos analisar algumas:
Associada à fertilidade, diz-se que em noites de Lua Cheia registra-se um maior número de nascimentos. No entanto, os estudos e pesquisas têm sido contraditórios. Uns confirmam, outros nem por isso.
No campo, essa fase da Lua determina o momento de colher ou de podar.
Comportamento humano: tanto pode afetar o homem de maneira positiva ou negativa, dependendo da sua própria natureza. Até mesmo os loucos são chamados de lunáticos mas será mera coincidência? será que a Lua realmente afeta essas pessoas quando se encontra nesta fase? Que relação pode existir, afinal? difícil responder, mas que está "provado" que isso se verifica, está.
Também animais como gatos, cães e lobos podem ficar mais agitados nessa fase, e quem não conhece a lenda dos lobisomens que se transformam em noites de Lua Cheia? (há quem acredite que eles existem.)

A ciência tem buscado respostas para essa pergunta ao longo dos anos, e não tem sido fácil encontrar uma resposta cientifica para essas perguntas.

Que a Lua afeta as marés todo mundo sabe, em seguida vem o Sol, com uma participação menor, mas a força gravitacional que o sol exerce sobre a terra é 175 vezes maior que a da Lua, e apesar disso a Lua ainda é a maior responsável pelas marés da Terra.

Nesse assunto, a ciência tem uma boa explicação: é nesse período que os astros Sol e Lua se alinham com a Terra. Isso explica o fenômeno da subida da água dos oceanos em todo o planeta.

Pode-se dizer do efeito de maré aqui na Terra como sendo a tendência de os oceanos acompanharem o movimento orbital da Lua, sendo que esse efeito causa um atrito com o fundo dos oceanos, atrasando o movimento de rotação da Terra em cerca de 0,002 segundos por século, e, como consequência, a Lua se afasta de nosso planeta em média 3 cm por ano.Tudo está ligado à força gravitacional que age sobre a Terra. Principalmente nas Luas Nova e Cheia.

Outras curiosidades

O brilho da Lua, também conhecido como luar, não diminui para metade quando ela está em quarto. O seu brilho é apenas 1/10 do que ela tem quando está Cheia! Isso deve-se ao relevo da Lua: quando ela está em quarto as partes mais elevadas projetam sombras nas partes menos elevadas e reduzem a quantidade de luz solar refletida na direção da Terra.

Os antigos pensavam que a Lua fosse uma divindade que tinha uma vida independente daquela do Sol e que tinha, portanto, um poder próprio. Por ser associada à noite, domínio dos sonhos, dos terrores e também do amor, lhe eram atribuídos alguns poderes sobre os aspectos ocultos da vida. Ela apresentava ainda mais um caráter misterioso: aparecia e desaparecia a cada dia em tamanho e forma diferente e isto estimulava a imaginação.

Sua sexualidade nos parece instintivamente feminina, mas em alguns países, como na Alemanha, a Lua é masculina: Der Mond. De fato, a humanidade não conseguiu uma unanimidade sobre a sexualidade da Lua. Na Síria, a Lua era masculina, mas a deusa romana da Lua, Diana que correspondia à deusa grega Selene, era feminina.

Os Árabes pré-islâmicos, os hindus, os Maias tinham um Deus masculino para reger o poder da Lua. Os chineses e os indonésios a consideram feminina!

Sua fases

Lua Nova
a face iluminada não pode ser vista da Terra. A Lua está na mesma direção do Sol, e portanto está no céu durante o dia. A Lua nasce 6h e se põe 18h.

Lua Quarto-Crescente
metade do disco iluminado pode ser visto da Terra. Vista do hemisfério sul da Terra, a forma da Lua lembra a letra C (vista do hemisfério norte lembra a letra D).
Lua e Sol, vistos da Terra, estão separados de 90°. a Lua está a leste do Sol, que portanto ilumina seu lado oeste a Lua nasce meio-dia e se põe meia-noite

Lua Cheia
todo a face iluminada da Lua está voltada para a Terra. A Lua está no céu durante toda a noite, com a forma de um disco.
Lua e Sol, vistos da Terra, estão em direções opostas, separados de 180°, ou 12h. a Lua nasce 18h e se põe 6h do dia seguinte.

Lua Quarto-Minguante
metade do disco iluminado pode ser visto da Terra, como em Quarto-Crescente. Vista do hemisfério sul da Terra, a forma da Lua lembra a letra D (vista do hemisfério norte lembra a letra C).

Mas na verdade não estamos a fim de saber as explicações científicas das influências da Lua e sim reverencia-la por toda a sua beleza, fascínio e mistério, a Lua Cheia é puro encanto, e mesmo sem querer, ela faz fluir o lado místico de cada um... todos acabam por ver algo divino, a mão de um Ser Superior que planejou ou mesmo sem querer criou um lindo universo com extrema beleza em toda a Sua Obra. Inclusive na Lua ... Lua Cheia de Amor.

0 comentários:

Postar um comentário

Ocorreu um erro neste gadget