Bem vindos!

Variedades de Floripa ! notícias, política, depoimentos, críticas, curiosidades, vídeos e receitas !
Participe !

Todos os posts estão divididos por área, então se você tem interesse de ver somente um tipo de post, utilize a barra de categorias no topo da página, ou na seção de tags ao lado.
___________________________________________


terça-feira, 14 de agosto de 2012

Golpe do crédito e fundo de pensão faz vítimas no Brasil! atençao!!


Essa semana, dois douradenses, que terão seus nomes preservados, receberam chamados para ‘acordo do rateio do fundo de reservas do pecúlio do grupo montepio capemi/gboex que (hoje está sob nossa administração)...’(sic). O comunicado veio das empresas Global Previ- Vida e Previdência, situada na Avenida Eduardo Álvaro Machado, no centro de Peruibe/SP e da Nacional Seguradora, que fica na Avenida Rebouças, 100, Jardim Paulista, em São Paulo/SP. Tudo falso.

De acordo com o ‘chamado’, esses Estelionatários tentam tirar dinheiro através de promessa de resgate do crédito de fundo de pensão da antiga Capemi. As vitimas recebem o comunicado via correio. Desses douradenses, a carta foi enviada do Jardim Nosso Lar, em São Vicente, no dia 27 de junho e somente essa semana chegou ao destinatário.

Num dos clientes, o valor do acordo a ser liberado é de R$ 85,900.00 e no outro o valor de é de R$ 84,200.00. No chamado, os estelionatarios com informações pessoais e número de documentos das vitimas enviam o comunicado dizendo ser a última chamada para recebimento de forma amigável no acordo judicial que foi firmado.

O estelionato só foi descoberto porque a carta chegou ás mãos do contador das possíveis vitimas. "Isso é um estelionato escancarado. Buscamos informações e veja o que encontramos: um amontoado de reclamações das mesmas empresas e formas de agir", disse o proprietário do Escritório Gaúcho que está com a carta em mãos e tomando providências judiciais sobre o caso.

Em todo o Brasil as mesmas empresas Nacional Seguradora e a Global Previ – Vida e Previdências são citadas como autoras. E todas as vitimas as denunciaram. O golpe, pelas datas de postagem que são encontradas em sites de buscas, vem desde 2010. Na chamada para acordo, existe um telefone de contato.

Estados como o Rio Grande do Sul, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul e Santa Catarina são alvos da quadrilha.

0 comentários:

Postar um comentário

Ocorreu um erro neste gadget