Bem vindos!

Variedades de Floripa ! notícias, política, depoimentos, críticas, curiosidades, vídeos e receitas !
Participe !

Todos os posts estão divididos por área, então se você tem interesse de ver somente um tipo de post, utilize a barra de categorias no topo da página, ou na seção de tags ao lado.
___________________________________________


quarta-feira, 4 de julho de 2012

Cientistas criaram conexão Wi-Fi capaz de enviar 66 DVDs por segundo


Você gostaria de ter uma conexão de internet sem fio incrivelmente rápida, enviando 66 DVDs de dados por segundo?

Exatamente o que você faria com tal velocidade será algo para se pensar no futuro, mas os investigadores demonstraram uma nova técnica que torna esse ‘sonho’ uma realidade.

Cientistas do Instituto Sueco de Física Espacial estão com uma ideia incrível. A nova tecnologia só é possível através de uma situação especial que “torce” as ondas de rádio, como se fossem um macarrão parafuso.

As ondas de rádio torcidas permitem que múltiplos sinas sejam enviados na mesma frequência dando um “número infinito de canais em determinadas larguras de banda fixa”, afirma Fabrizio Tamburini, um dos responsáveis pelo estudo.

A antena que transmite os dados é em formato de saca-rolhas, enviando ondas de rádio em forma de vórtices, com diferentes graus de spin, permitindo desempenhar sinais independentes.



Os cientistas testaram o sistema em Veneza, Itália, enviando sinais para diferentes receptores. Todos os sinais foram enviados através da banda de 2.4 GHz – a mesma usada pelos mais modernos roteadores Wi-Fi encontrados pelo mundo, a uma distância de 442 metros.

A equipe, que relatou a descoberta no New Joural of Physics, disse que o sinal foi um pouco mais fraco do que era esperado, mas essa ‘falha’ não ocorreu por muito tempo.

A pesquisa abre caminho para comunicações de extrema velocidade, usadas em computadores, celulares, transmissores, satélites e equipamentos que necessitem de transmissões de dados sem fio em um futuro próximo.
fonte jornal da ciencia

0 comentários:

Postar um comentário

Ocorreu um erro neste gadget