Bem vindos!

Variedades de Floripa ! notícias, política, depoimentos, críticas, curiosidades, vídeos e receitas !
Participe !

Todos os posts estão divididos por área, então se você tem interesse de ver somente um tipo de post, utilize a barra de categorias no topo da página, ou na seção de tags ao lado.
___________________________________________


sexta-feira, 29 de junho de 2012

Descoberta revolucionária de L’Oréal Paris poderá fazer pessoas carecas acordarem “cabeludas”


Os cientistas descobriram que os folículos capilares em pessoas carecas estão presos em um tipo de “sono”, e estão desenvolvendo um novo tratamento.

Um pouco estranho essa explicação, mas é isso mesmo. As pessoas carecas estão sofrendo, segundo os pesquisadores, de folículos “dorminhocos”.

Os tricologistas (especialistas em cabelo) descobriram que os folículos pilosos do couro cabeludo podem estar presos em um estado de repouso onde não conseguem mais crescer, entrando em um processo de afinamento com posterior queda.

Eles agora afirmam que identificaram uma maneira de “acordar” os folículos de novo, ajudando a restaurar uma maior quantidade de fios de cabelo.

Infelizmente, os cientistas não podem ser capazes de retardar o processo de calvície para sempre, pois em certo momento os folículos perdem a capacidade de fazer crescer um novo cabelo, mas aqueles que estão em um processo inicial com afinamento dos fios pode se beneficiar do novo tratamento.

O Dr. Bruno Bernard, chefe de biologia capilar da L’Oréal Paris, a maior empresa de cosméticos do mundo, responsável pela pesquisa, já anunciou que está desenvolvendo um novo tratamento que será aplicado no couro cabeludo em um shampoo ou creme, ajudando a incentivar o crescimento de novos fios.

“Alguns folículos que estão apenas descansando em estado de dormência estão esperando um sinal certo para serem ativados. Eles estão em um período de latência. Se você reduzir esse período terá mais cabelo”, afirma o cientista em declaração ao The Telegraph.

Estima-se que só no Reino Unido 8 milhões de mulheres sofram com calvície. O número de homens é exponencialmente maior.

Normalmente, fios de cabelo crescem continuamente por um período de até 4 anos, antes que os folículos mudem para um estado de dormência e o fio de cabelo caia. Durante este período, as células-tronco na pele começam os processos necessários para crescer um novo fio.



No entanto, em pessoas com calvície, este processo pode não ocorrer novamente após a queda. Os cientistas que trabalham com o Dr. Bernard da L’Oréal, acreditam terem identificado o motivo desse acontecimento. O estudo encontrou dois reservatórios que ajudam as células estaminais a criarem um novo fio de cabelo.

O reservatório inferior das células-tronco, chamado de células CD34+, está em um ambiente de baixo oxigênio, conhecido como estado de hipóxia, o que ajuda a manter as células estaminais numa condição saudável.

Dr. Bernard apresentou suas descobertas na Sociedade Europeia para Estudos do Cabelo em Barcelona, afirmando que as pessoas carecas sofrem quando ocorre mudança nos níveis de oxigênio em torno dessas células-tronco.

“As células-tronco podem perceber a quantidade de oxigênio em torno delas”, diz o Dr. Bernard. “Nós identificamos moléculas que imitam o efeito da hipóxia sobre essas células. Isso significa que podemos estimular os folículos pilosos vazios para produzirem novas fibras capilares de modo mais rápido”, finalizou o cientista.
jornaldaciencia

0 comentários:

Postar um comentário

Ocorreu um erro neste gadget